PREVENÇÃO CORONAVÍRUS


A epidemia mundial do novo coronavírus exige de todos compromisso com a saúde pública. Cuidados individuais e coletivos são essenciais para diminuir o número de casos e o impacto nos serviços de saúde.



Por isso, a comunidade em geral deve adotar as medidas abaixo.


  • Reforçar os hábitos de higienização, como lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos. Caso a pessoa não consiga lavar as mãos com sabonete com frequência e nos locais onde circula, é essencial adotar o uso do álcool em gel. Utilize o álcool em gel ao longo do dia para fazer a limpeza quando não houver outros meios à disposição.

  • Para lavar as mãos adequadamente: use a quantidade de sabão suficiente para que a espuma cubra toda a superfície das mãos (lembre-se de tirar os anéis); Dedique 15-20 segundos só no ato de esfregar. Cante o "Parabéns a você" por duas vezes que dá o tempo certo! O ritual completo deve durar cerca de 50 segundos; Lembre de limpar bem o espaço entre os dedos e esfregue o dorso e o punho. Seque com toalha descartável (em ambientes coletivos). Se a torneira não for automática, use a tolha de papel para fechá-la, ou lave também a torneira antes de lavar as mãos.

  • Evitar levar as mãos aos olhos, nariz e boca.

  • Cobrir o nariz e boca ao espirrar ou tossir. Você pode utilizar um lenço de papel que deverá ser jogado no lixo logo em seguida.

  • Não compartilhar objetos pessoais, como talheres, toalhas, pratos e copos. São necessárias a limpeza e desinfecção de objetos e superfícies tocados com frequência. Lembrem-se de higienizar os celulares com lenço embebido em álcool.

  • Manter distância de pelo menos 1 metro de qualquer pessoa com sintomas respiratórios, como tosse e espirros.

  • Evitar aglomerações e frequência a espaços fechados e muito cheios. Principalmente se você está acima de 60 anos ou é portador de comorbidades. Saia de casa apenas se extremamente necessário.

  • Manter os ambientes bem ventilados. Usar máscara não é necessário para as pessoas sem sintomas respiratórios. A máscara apenas bloqueia partículas e gotículas daqueles que a vestem e não impedem uma eventual contaminação. A máscara deverá ser utilizada para todos com sintomas respiratórios.


As recomendações quanto a prevenção do coronavírus tem mudado muito e rapidamente. Acompanhem os canais de notícias.

Vamos fazer nossa parte e pensar na coletividade!


Catarina


0 visualização